A importância de levar o seu pet regularmente ao veterinário

a-importancia-de-levar-o-seu-pet-regularmente-ao-veterinario

Adotar um animal de estimação requer muitas responsabilidades e cuidados, isso não é uma novidade, não é mesmo? Além de dar carinho, atenção, comida e outros cuidados fundamentais, é importante estar sempre atento quanto à saúde dos animais de estimação.

Algumas doenças podem não apresentar sintomas ou quando apresentam eles podem passar despercebidos. Idas regulares ao veterinário e outras medidas podem prevenir esses sintomas e dão a garantia de que o seu pet está com a saúde em dia.

Neste artigo nós vamos dar algumas dicas importantes que reforçam a importância de levar seu pet regularmente ao veterinário. Acompanhe!

1. Manter as vacinas em dia:

As vacinas conseguem prevenir muitas doenças. Quando você levar seu pet pela primeira vez no veterinário, você pode se informar sobre como ter uma carteira de vacinação. Com este documento vai ficar muito mais fácil relembrar quais vacinas precisam de retorno e quais ainda devem ser feitas no seu pet e existem atualmente até carteiras de vacinação online.

Algumas raças apresentam algumas características muito específicas, por isso um veterinário pode dar dicas de cuidados principalmente nos primeiros meses, quando o filhote demanda cuidados específicos.

No caso dos cachorros, a primeira vacina que eles devem tomar é a óctupla, que vai prevenir contra doenças muito comuns como a cinomose, leptospiroses, dentre outras. Algumas são tomadas em doses e tem reforço, por isso é preciso estar atento quanto as datas.

Os gatos também precisam de vacinas, diferente do que muitos imaginam. Podemos dizer que a principal delas é a quíntupla, que deve ser feita quando o gato for filhote, com quatro meses de idade e em três doses. Essa vacina vai prevenir contra rinotraqueíte viral felina, leucemia felina e outras doenças. Além dessas vacinas, os gatos também devem tomar doses contra raiva anualmente.

2. Ir ao veterinário de forma regular:

Muitos tutores acabam só levando os seus bichinhos quando eles apresentam algum sintoma diferente do comum, o que pode acabar sendo muito perigoso, já que esses sinais costumam surgir quando as doenças já estão em estado avançado. Cada fase da vida do animal de estimação necessita de visitas regulares ao veterinário:

Filhotes: até mais ou menos os seis primeiros meses de vida, o seu animal de estimação deve comparecer a consultas regulares no veterinário, para que ele faça as vacinas e receba acompanhamento do crescimento e do desenvolvimento.

Adultos: depois dos sete meses, para os veterinários, o seu animal de estimação já pode ser considerado um adulto. Nessa fase são necessários poucos exames, por isso uma ida ao ano no veterinário já é o suficiente. Fazer um check-up geral nessa idade também é bem importante.

Idosos: a “terceira idade“ dos pets começa no período entre mais ou menos sete e oito anos de idade. Como nessa fase podem surgir algumas doenças por conta da idade, indicam-se visitas a cada seis meses no veterinário.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios estão marcados *

Postar Comentário

Recent posts

Featured articles