Saúde bucal: Por que ela é importante para os animais?

Saúde bucal pets

Assim como os seres humanos, os animais também podem adquirir diversas doenças nas gengivas, dentes e boca. Alguns problemas podem inclusive comprometer a qualidade de vida do animal. Veja nesse artigo por que é tão importante cuidar da saúde bucal do seu bichinho de estimação.

Os problemas de saúde bucal mais comuns nos pets

Por conta da falta de higienização, é muito comum que cães e gatos desenvolvam diversos problemas dentários. Um deles é o mau hálito, que inclusive pode estar por trás de doenças mais graves como a doença periodontal. Um dos primeiros sinais desse problema é o tártaro.

Quando não tratado, o tártaro pode evoluir para um quadro mais grave de inflamação das gengivas. Esse tipo de inflamação é algo sério e pode prejudicar o bem-estar do seu amigo. Alguns animais nem conseguem comer direito por conta da dor que sente na região bucal. Além disso, as doenças que acometem as gengivas podem causar perdas dos dentes.

Outro problema comum que os bichos podem desenvolver são as cáries, que podem causar graves lesões nos dentes, dores e desconfortos para o pet.

Como cuidar da higiene bucal do seu animal de estimação?

Por conta dos problemas que podem afetar a saúde bucal do pet, um dos cuidados fundamentais que você deve ter é escovar bem os dentes deles. E isso vale tanto para os cães quanto para os gatos. O ideal é adquirir esse hábito logo quando o pet ainda é filhote. Nos casos dos animais mais velhos pode ser preciso um pouco mais de paciência. Uma dica é realizar o processo pelo menos uma vez por semana, até que o seu amigo esteja acostumado com a escovação.

Escovar os dentes é uma ótima forma de prevenir doenças que posteriormente poderiam gerar dores no seu amigo e te fazer desembolsar um bom dinheiro para remediar. Existem no mercado cremes dentais especiais para pets, com sabores agradáveis. Em hipótese alguma utilize a mesma pasta que você usa para escovar os seus dentes, pois podem causar problemas estomacais no animal.

Uma boa alternativa para proceder com a limpeza também é investir nos petiscos feitos para eliminar problemas como tártaro e mau hálito. Caso o seu bichinho seja resistente à escovação você pode incluir estes alimentos nas refeições dele.

A saúde do seu amigo depende de você

Fique atento e sempre dê uma olhada para ver como anda a saúde bucal do seu amigo. Leve-o ao veterinário regularmente, principalmente se notar problemas como sangramento, perda de apetite ou mau hálito forte.

Em relação ao mau hálito, ou halitose, é importante estar atento para problemas que podem ser causados por outros motivos. Além das doenças bucais, o bafinho do cachorro ou do gato pode indicar um problema de saúde gastrointestinal. Portanto, não considere normal quando perceber que seu pet não está com um hálito agradável.

Lembre-se que o seu pet não pode cuidar da saúde dele sozinho, portanto ele depende de você. Por mais que seja trabalhoso e até difícil em alguns casos é uma forma de evitar que problemas graves atinjam o seu amigo e prejudiquem sua qualidade de vida.

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Recent posts

Featured articles