Por que as empresas devem começar a investir em pet friendly?

por-que-as-empresas-devem-comecar-a-investir-em-pet-friendly

Os animais domésticos ascenderam da categoria “bichinho de estimação”, para praticamente membros da família. Existe um mercado cada vez mais amplo neste nicho, desde produtos de higiene, roupas, casinhas, coleiras, brinquedos, entre outros. Estima-se que o mercado pet movimenta R$ 19 bilhões ao ano no Brasil!

Trata-se de uma modificação social que está cada vez mais intensa e presente em nossa sociedade.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), Existem mais de 130 milhões de animais de estimação no país, sendo 52 milhões de cães, 38 milhões de aves, 22 milhões de gatos, 18 milhões de peixes, entre outros animais.

Pet friendly é tendência

Por isso, as empresas precisam acompanhar essa tendência. Espaços pet friendly são cada vez mais comuns, e fica para trás quem não adere à característica. Muitas vezes é isso que determina se uma pessoa irá frequentar o espaço – ou por ser muito apegada ao pet, ou por não querer deixá-lo só por muito tempo.

Com rotinas cada vez mais intensas, as pessoas dispõem de pouco tempo para aproveitarem com os seus bichinhos.

Existem empresas que, apesar de não venderem nada para bichinhos de estimação, disponibilizam carrinhos para acomodar o bichinho, oferecem água e até mesmo petiscos. Muitos shoppings permitem a entrada de animais, excetuando no piso destinado à praça de alimentação.

Em geral, oferecer essas facilidades não gera custos elevados para o empresário e aumenta o número de pessoas que aderem ao serviço. Logicamente que isso não significa que o espaço apenas aceita a entrada de animais, mas está preparado para recebê-los. Deve dispor de água, panos de limpeza, saquinhos plásticos, desinfetante, sinalizações na porta, coleiras e caminhas.

No caso de espaços que trabalham com alimentos, é preciso atentar às regras da Anvisa e ter um espaço externo que permita a circulação dos bichinhos com tranquilidade.

Por isso, pode ser necessário fazer algumas adaptações, mas que valem muito a pena e trarão retorno.

A interação entre pets e pessoas é lei nesse nicho, proporcionando aos animais, cada vez mais membros da família, uma experiência humana.

Além de tudo, os animais trazem muita alegria a qualquer ambiente, gerando mais interações sociais entre as pessoas.

Também é importante divulgar as mudanças e implantações nos canais de comunicação usuais: Facebook, Instagram, WhatsApp etc. Assim, os clientes compartilham a novidade e disseminam no boca a boca: o marketing gratuito da sua empresa.

Mais do que permitir a entrada

Por vezes, as empresas traçam outro caminho que vai muito além de permitir que os peludos frequentam o espaço.

Podem passar a oferecer produtos, alimentos e serviços direcionados especificamente para pets ou se especializarem somente neste.

Já existem bares, padarias, espaços culturais e afins mergulhados nessa cultura ainda em ascensão.

Sempre alerta

Se você ama o seu pet, quer obter os melhores produtos para ele. Com desconto, melhor ainda? Conheça o nosso site e app com dicas e promoções de produtos e serviços para pets e economize na hora de deixá-lo lindo e alimentado com as melhores rações e petiscos!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Recent posts

Featured articles