Dicas de decoração para quem tem pets

dicas-de-decoracao-para-quem-tem-pets

Conviver no mesmo ambiente que o pet exige uma decoração a altura, que promova conforto tanto para o dono, como para o animal. Afinal, eles são seres incríveis que nos amam e protegem sem pedir nada em troca. E, por essa e outras coisas, merecem todo o cuidado que os donos podem oferecer.

Porém, quem tem pet sabe que decorar a casa pode não ser tarefa fácil. Os filhotes, muitas vezes, destroem pés de cadeiras, espumas de sofá, arranham cortinas e acabam fazendo as necessidades nos tapetes da casa. Mas para quem não abre mão de conviver com os animais domésticos, existem formas de contornar esses episódios desagradáveis.

Confira abaixo como decorar a casa de maneira que donos e pets fiquem confortáveis, para que possam desfrutar dessa relação tão necessária.

Tapetes e pisos ideais

Apesar de pets e tapetes não combinarem, é possível decorar a casa com passadeiras de tecido mais grosso. Mas, para facilitar ainda mais a vida dos donos, o recomendado é investir em pisos que sejam fáceis de limpar e confortáveis para que o pet se sinta à vontade para andar e deitar.

A dica aqui é evitar os pisos muito porosos, pois eles podem ficar manchados se as necessidades do animal forem feitas em local errado. O ideal é evitar madeira, mármore e granito, e preferir cimento queimado ou cerâmica. Evite também piso liso ou escorregadio, pois comprometem os movimentos dos animais, bem como suas a articulações, gerando dores e desenvolvendo doenças.

Escolhendo os móveis

Para que os móveis não sejam o alvo preferido dos animais, é necessário que o dono analise a compatibilidade do item com o pet. Ou seja, um cão de grande porte, como um Labrador ou um São Bernardo, pode facilmente derrubar objetos de uma mesa de centro ou criado-mudo.

Obviamente, eles não fazem por maldade, mas estes animais necessitam de espaço para se moverem sem destruir a decoração da casa. Veja quais itens evitar:

• Plantas venenosas;
• Móveis com quinas pontiagudas;
• Objetos muito pequenos que podem ser engolidos.

Tinta acrílica

A tinta acrílica é geralmente utilizada em ambientes externos, como em fachadas e garagens. Entretanto, a opção é genial para quem possui pets em casa. O acabamento da tinta acrílica facilita a limpeza, caso o pet marque-as com as patinhas ou com o bater do rabo.

Mantas e cobertas

Pets que vivem em apartamentos, inevitavelmente acabam subindo no sofá ou na cama. Atualmente, existem opções de mantas no mercado para quem precisa proteger o estofado. Além de decorarem o ambiente, elas são práticas e fáceis de lavar.

Espaço do pet

Para quem possui espaço em casa ou apartamento, uma opção inteligente é criar um espaço especial para o pet. Profissionais dizem que, por estresse e ansiedade, muitos pets acabam estragando itens da casa. Para evitar isso, a dica é criar uma área em que o bichinho possa brincar livremente, com:

• Comedouros;
• Mordedores;
• Camas e cobertores;
• Brinquedos próprios para a espécie, entre outros.

Pratique a sustentabilidade pintando itens como pneus velhos, costurando travesseiros e edredons usados para decorar o espaço do pet. Bonito para a casa, agradável para o dono e superconfortável para o bichinho de estimação. Baixe o app para saber mais!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Recent posts

Featured articles