4 dicas sobre como cuidar de um periquito

A small, colorful and exotic tropical parakeet.

Nem todo mundo concorda que o cachorro seja necessariamente o melhor amigo do homem! Por isso, há quem prefira ter um animal de estimação que possa alegrar o dia com seu som ímpar! Se você também tem como mascote um periquito (ou está pensando em ter) e não sabe exatamente como devem ser os cuidados com ele, fique de olho nas nossas dicas!

Moradia

É importante que o ambiente onde o periquito vai viver seja tranquilo, especialmente durante a noite. Esse é um animal de hábitos noturnos, o que significa que ele precisa dormir bem à noite para se manter saudável. O local ideal para ele viver quando adotado como bichinho de estimação é em gaiola feita de arame, com espaço suficiente para que ele possa se alimentar, poleiros, recipiente para água e comida. Mas atenção: gaiolas muito grandes não são recomendadas porque o pequeno passarinho pode se sentir isolado.

Higiene

É comum que os periquitos sejam bem “bagunceiros”, por isso, a gaiola vai precisar ser limpa todos os dias, para remover todos os restos de fezes e alimentos. Em dias alternados, lave o fundo da gaiola e procure desinfetá-la por completo pelo menos uma vez por mês (nesse momento, será necessário tirar seu periquito lá de dentro, obviamente).

Quanto à higiene do animal, você não vai precisar dar banho no periquito, mas procure deixar um recipiente maior com água dentro da gaiola para que ele mesmo possa se refrescar quando desejar! Os pássaros apreciam isso!

Tanto a água que ele bebe quanto a água que vai ficar disponível para o “banho” precisam ser trocadas todos os dias para evitar a proliferação de micro-organismos. E caso ele beba toda a água antes disso, coloque mais para que não fique desidratado.

Alimentação

Periquitos criados em cativeiro podem ser alimentados com ração, desde que ela seja específica para esse animal. Você também pode alimentá-lo com algumas frutas (como maçã, banana, pêra) e verduras (como brócolis, espinafre, almeirão). Evite comprar comida a granel para o periquito, porque ela pode ter se misturado com ração de outros animais e isso pode ser prejudicial para a saúde.

Sinais para ficar atento

Pássaros também ficam doentes e podem precisar de um veterinário. No caso do periquito, é importante ficar atento aos seguintes sinais: penas opacas, sem brilho, quebradiças e caindo em excesso; sonolência excessiva (fique alerta se ele começar a adormecer durante o dia); presença de algum tipo de secreção nas narinas; descamação na superfície do bico, unhas e pés; presença de chiado na respiração. Se observar qualquer um desses sinais, entre em contato com um profissional.

Quando está saudável, o periquito é um animal muito vivaz, sociável e que está sempre alerta! E justamente por isso, é um companheiro ideal para alegrar ainda mais os seus dias com suas cores e sons!

Baixe o nosso app para receber outros conteúdos com dicas para cuidar melhor dos seus pets, além de indicações de produtos e serviços com preços exclusivos especialmente para eles! Estamos esperando por você!

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Recent posts

Featured articles